CAMINHOS DO ENGENHEIRO AGRÔNOMO

CAMINHOS DO ENGENHEIRO AGRÔNOMO

Esse projeto visa propagar as áreas de atuação do engenheiro agrônomo, de forma leve e fácil, a fim de divulgar o curso e aumentar a visibilidade, de quem tem curiosidade ou interesse na área agronômica. Hoje temos o convidado Sebastião Carlos Pereira Soares, Engenheiro Agrônomo Especialista em Agronegócio, Sementes e Pastagem, que atua como Gerente Regional de Vendas para o estado de GO e Chapadões (Chapadão do Sul-MS e Chapadão do Céu-GO), iniciando um novo projeto na área de microbiológicos, para fazer um breve relato de toda sua trajetória no ramo agronômico.

Sebastião Carlos Pereira Soares Eng. Agrônomo Esp.

Formado Técnico em Agropecuária pela ETAESG João Jorge Geraissate, em Penápolis-SP, hoje ETEC, no ano de 1991. A partir daí despertou o interesse em Engenharia Agronômica, começando a graduação pela FAEF de Garça-SP, onde estudou 01 ano, em 1992. Na sequência foi aceito nos processos seletivos da UNESP e UFSM para o curso de Engenharia Agronômica, indo para Santa Maria-RS cursar Agronomia, nos anos de 1993-1997. Durante o curso de Agronomia participou de várias atividades acadêmicas, dentre elas: Bolsista do Grupo PET Agronomia-UFSM, Monitor da disciplina de Bromatologia Animal e Bolsista no departamento de Economia e Extensão Rural, do qual foi responsável pelo projeto “Boletim de Economia Rural”, para região de Santa Maria-RS além de estagiário extracurricular do Grupo SLC Agrícola, na Fazenda Planalto situada no município de Costa Rica-MS.

Como cursos mais específicos e relacionados à vida profissional, se especializou em: Tetrazólio e Patologia de Sementes pela Embrapa Soja de Londrina-PR, cursou pós-graduação em Manejo de Pastagem pela FAZU de Uberaba-MG e MBA em Agronegócio pela Esalq USP de Piracicaba-SP. Realizou também outros cursos dentre eles: Técnicas e Planejamento de Vendas, Coaching e Direção Defensiva pela Dow Agrosciences além do curso de Diretrizes de Comunicação para Mídias Sociais e Plataformas Digitais pela LongPing High-Tech Sementes e Biotecnologia. Ele diz que é primordial se especializar nas áreas de atuação principalmente pelas exigências atuais do mercado, no que diz respeito à excelência de fornecer para o consumidor final excelentes produtos e serviços.

Dentro do cenário agronômico atuou em diversas áreas, porém também teve atuação em outra área sendo bancário pelo Banco Bradesco, no município de Costa Rica-MS, nos anos de 1987-1988.

Em 23 anos de Agronegócio, desde 1997, atuou 11 deles na gestão de propriedades rurais, nas áreas de produção de grãos e pluma com as culturas de soja, milho, sorgo e algodão além de pastagem em projetos de carne e leite e outros 12 anos na área comercial, em Marketing e Vendas, na área de sementes. Assumiu vários papéis, dentre eles: Gerente Geral Agrícola, Gerente Técnico de Produção de Sementes, Especialista de Contas, Gerente Regional de Marketing e Gerente Regional de Vendas, como principais. Portanto teve a oportunidade de passar por grandes companhias do Agro, como: Grupo Josué Corso Netto (JCN), Dow Agrosciences Sementes e Biotecnologia Brasil Ltda. e LongPing High-Tech Sementes e Biotecnologia Ltda.

Seu dia a dia de trabalho na área comercial envolve: viagens, atendimentos a clientes, e-mails, solução de problemas, gestão de pessoas, relatórios em geral, projetos, planejamento, vendas, reuniões (atualmente virtuais), uso de programas de computador diversos (Office, Salesforce, Totv’s, Sharepoint, Teams),vendas de sementes(milho, sorgo e soja), End Users e Cooperativas, gestão de território, gestão de portfólio, gestão e atendimento de Canais de distribuição (Revendas), desenvolvimento de produtos e mercado, dentre outras responsabilidades. E desempenha também outras atividades sazonais, dentre elas: organização e apresentação de grandes feiras (ShowTech em Maracaju-MS, TecnoAgro em Chapadão do Sul-MS e Tecnoshow Comigo em Rio Verde-GO),  dias de campo, tours, reuniões de mercado com Spark e Kleffmann Group, reunião de avanço de novos híbridos, lançamento de novos híbridos, posicionamento de híbridos e variedades, programas de Marketing para geração de demanda e promotores, pós-venda, barter, documentação para aporte de crédito, Construção e implementação de Campanhas de vendas e Campanhas de incentivo, dentre outras;

Como dica, ou conselho, para quem deseja trilhar esse caminho, ele relatou: “Atualmente (nos últimos 20 anos) temos a crescente necessidade de utilização do Microsoft Office, principalmente Excel, e o domínio da Língua Inglesa (necessidade mundial). Além dessas expertises gerais a todos profissionais, se faz necessário conhecer todas as áreas do Agronegócio e de forma específica a área de atuação. Neste caso estou falando, inclusive, de gestão de pessoas, estudo de mercado, competências nas áreas de inteligência emocional (empatia, resiliência, …), competências na área de relacionamento interpessoal (teamwork, networking, …) e valores milenares (ética, integridade, ownership, accountability, …). Apesar de tantos conceitos e responsabilidades, a crescente necessidade de produção de alimentos sustentáveis versus a crescente evolução demográfica, tem exigido dos profissionais do agronegócio uma maior diversidade de ferramentas para exercer a profissão com excelência. Estará apto a assumir uma posição de destaque quem primeiro estiver preparado para tal. Apesar das “duras” colocações acima, nada que envolve essas necessidades é impossível de se atingir, muito ao contrário, basta ter gosto pelo que faz e dedicação. Desejo boa sorte a todos graduandos em agronomia ou que pretendem cursar agronomia, enfatizando a nobre e valorosa profissão que estão prestes a assumir!!!”

E ele finaliza fazendo um agradecimento: “Agradeço ao Grupo PET AgroFlorestal CPCS pela oportunidade de participar do Projeto: Caminhos do Engenheiro Agrônomo, contribuindo com a história da minha carreira profissional.”

Eduarda Santana Soares

Bolsista PET AgroFlorestal CPCS e Discente de Agronomia pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.